Indignação, vergonha ou culpa?!

Desde ontem minha indignação diante um fato ignóbil não deixa-me calar.

Que valores de vida estamos tendo?

O fato da morte brutal de uma menina de 5 anos apenas reforça a ausência de amor nos tempos de hoje – e, o que será do amanhã?

Tudo o que for decidido pelo homem, neste caso, será demérito diante a vida.

Morrem duas crianças por dia no Brasil vítimas de violência.

Nada é feito.

Tudo vira cinzas.

Mas, a vida continua e precisamos ir ao shopping comprar aquela blusa tão linda e esperada...

Quanta hostilidade.

Minha indignação ontem foi ligar a televisão no canal mais assistido pela população brasileira (infelizmente) e ver aquele show barato

de gente sem escrúpulos nenhum falando e chorando. Implorando para que o telespectador – nós – acreditemos naquele teatro pago

diante às câmeras.

Queriam explicar o inexplicável. Queriam mostrar a nós; sim, a nós o quanto são “família” e especiais.

Que triste e vergonhoso ver o quanto o ser humano pode ser despudorado.

Não sei se sinto raiva, revolta, nojo, culpa ou tudo junto. Só sei que nenhuma justiça será o bastante diante a barbárie que estamos vivendo.

Mas, só resta-me pedir: JUSTIÇA!

 

AHIMSA

 

[ ver mensagens anteriores ]
Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, Arte e cultura, Música, livros, natureza, cristais, yoga,poesia
Visitante número: